terça-feira , dezembro 6 2016

Assistir Botafogo x Flamengo Ao vivo 01/03/2015

Assistir Botafogo x Flamengo Ao vivo

Canal 1

Canal 2

Canal 3

Canal 4

Botafogo x Flamengo ao vivo : clássico vale a liderança do Carioca, venha assistir

Duelo também é especial por ser no dia do aniversário do Rio, Assistir Botafogo x Flamengo Ao vivo

Um clássico especial, no dia do 450º aniversário do Rio, e que vale a liderança do Campeonato Carioca. É este o clima de Botafogo x Flamengo, neste domingo, no Maracanã. O Alvinegro, embalado por cinco vitórias consecutivas, tem 16 pontos, dois a mais do que o Rubro-Negro. Quem vai levar a melhor?

Em um jogo cercado de muita rivalidade e provocações ao longo da semana, Botafogo e Flamengo se enfrentam neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no Maracanã, pela sétima rodada do Campeonato Carioca. O Glorioso venceu seus últimos quatro jogos, sendo o mais recente por 2 a 1, diante do Nova Iguaçu, e, com 16 pontos, luta para se manter na liderança. Já o Rubro-Negro, que tem dois pontos a menos, vem de empate por 1 a 1 com o Madureira. Porém, no meio de semana, pela Copa do Brasil, derrotou o Brasil de Pelotas por 2 a 1, no Rio Grande do Sul.

Ao longo da semana o clima foi de provocação. O atacante Bill disse que vai deixar a sua marca contra o Flamengo e mandou um recado ao colega de posição Marcelo Cirino, um dos destaques do Rubro-Negro.

“Pode ter certeza de que vou deixar o meu no clássico e que o Cirino não vai conseguir marcar o dele”. A resposta, porém, veio no mesmo tom. “Se ele falou, deixa ele falar. Mas fazer é outra coisa. Quero ver se ele vai fazer mesmo”, disse o dianteiro rubro-negro.

Entretanto, responsável por apimentar o clássico, Bill pode desfalcar o duelo no Maracanã. O centroavante sentiu dores na coxa direita, em treinamento realizado na manhã deste sábado, e deixou o gramado amparado por membros da comissão técnica. Caso não reúna condições de jogo, René Simões tem como alternativas ofensivas as seguintes peças: Tássio, Henrique, Sassá, Murilo e André Luís

A boa notícia na formação de General Severiano fica a cargo do meia Diego Jardel, recuperado de estiramento muscular na coxa direita. O articulador, que já marcou dois gols no Estadual, reaparece na vaga do jovem Fernandes.

“Nós vamos para o nosso primeiro clássico e tentaremos subir mais esse degrau no trabalho que vem sendo desenvolvido ao longo de 2015. O Flamengo é um grande adversário, vem forte para esta temporada e é um dos favoritos ao título. Mas o Botafogo também quer esse Campeonato Carioca e por isso espera um jogo muito equilibrado”, afirmou René Simões, comandante do Botafogo.

Vanderlei Luxemburgo, técnico do Flamengo, também espera equilíbrio. “Acredito em um jogo muito equilibrado, porque os dois times estão conseguindo produzir muitas coisas boas no Campeonato Carioca, embora a gente saiba que é apenas o começo do trabalho. O Botafogo está na liderança, se preparou para este torneio com muita seriedade e será nosso primeiro clássico. Por aí vamos ter um tom da dificuldade que ainda vai vir no Estadual”.

Para buscar a liderança, Luxemburgo não poderá contar com o volante Victor Cáceres, que sofreu um trauma no pescoço, no compromisso contra o Brasil de Pelotas, e acabou vetado pelo departamento médico. Seu provável substituto é Jonas, contratado junto ao Sampaio Corrêa. Porém, caso opte por reforçar o setor ofensivo, o dono da prancheta rubro-negra pode promover a entrada do atacante Nixon, fazendo companhia a Marcelo Cirino e Alecsandro.

O lateral esquerdo Anderson Pico, que se recupera de uma lesão no menisco externo do joelho direito, também está fora, embora tenha sido inserido na lista da concentração. O meia Everton, com edema na coxa, segue sem poder atuar.

FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO x FLAMENGO

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 1 de março de 2015 (Domingo)
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols Cortez (RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moises (RJ) e Rodrigo Henrique Corrêa (RJ)

BOTAFOGO: Jéfferson; Gilberto, Roger Carvalho, Renan Fonseca e Carleto; Marcelo Mattos, Willian Arão, Tomas e Diego Jardel; Jobson e Bill (Tássio)
Técnico: René Simões

FLAMENGO: Paulo Victor, Leonardo Moura, Wallace, Samir e Pará; Jonas (Nixon), Márcio Araújo e Canteros; Arthur Maia; Marcelo Cirino e Alecsandro
Técnico: Vanderlei Luxemburgo